domingo, 15 de outubro de 2017

Quem quer ser professor levanta a mão! O que é isso uma piada de professor?

Qual professor já fez esta pergunta em sua sala de aula? Eu já fiz e as respostas foram bem bizarras. Hoje no dia do professor não quero parabenizar a nenhum professor porque acho que felicitações não é o que os professores merecem.
Pode parecer rídículo ou você pode ficar chocado(a) com o que eu acabei de dizer. Mas é verdade. Abri hoje meu facebook e lá estava centenas de banner parabenizando os professores. Banneres de frases impactantes, chocantes, fofas e tantas outras que não me comoveram.
Sou mal amada, sofrida e ou reclacada como a maioria poderia dizer ? Não. Apenas tenho certeza de um dia de felicitações nada contribuirão em reconhecer o valor do professor. Lotar os aplicativos de lindas mensagens não dignificam nosso dia - a - dia na sala de aula.
Poderia gastar o meu tempo falando tantas coisas legais no dia do professor e aí fiquei olhando meus projetos e vídeos com meus alunos.
Fiquei noltágica, chorei, recordei e voltei ao normal. A realidade não é fantasiosa. A sala de aula não é um mar de flores. E no dia dos professores veja tantos colocarem marca d'agua do orgulho de ser professor.
Talvez você não termine de ler esta postagem, ou talvez só tenha vindo parar nela porque com certeza gostaria de critica-la ou de que ela se torna-se algo que me denigresse ou me ofendesse.
Mas ela pode ser mais impactante do que o que você imagina. Ou nem me importe com o que você está pensando apenas sinto um desespero calado que me nega parabenizar os professores no dia de hoje.
A verdade é que enquanto os professores deste país se esconderem em seus sofrimentos, lutos, resignações, resiliências continuaram nutrindo o sistema que os oprimem.
A primeira vez que eu entrei em uma sala de aula foi assutardor. Eu tinha vinte anos, estava iniciando um estágio do meu curso de Licenciatura em História. Não lembro quantos alunos tinham. Só lembro dos gritos , da bagunça , dos risos e de me sentir tão perdida. Quando parei e me vi de frente aqueles adolescentes do nono ano não sabia o que dizer nem lembro do que falei. Só lembro que não se importaram.
Foram três meses díficéis naquele ano. Cheguei a subir na mesa para que eles prestassem atenção a mim. Comprei canetas e chamequinho para que anotassem alguma coisa. Abri o armário dos professores e peguei o diário que branco não tinha anotações pois a turma há meses não tinha professores.
Daquela experiência o que me lembro é de que dia a pós dia eu tentei sem muito sucesso.
E desta data até hoje foram-se quase 20 anos. Contiuo sendo professora.
Foram tantas turmas, tantos alunos, tantas tentaivas , erros e acertos. Uns que me orgulham outros que me entristecem.
Certa vez me vi diante de uma turma de sexto ano que não parava de falar, onde eu não ouvia o proprio som da minha voz. Eram meninas e meninos que eu os olhavam e me perguntava porque estão ali.
Esta pergunta nunca mais saiu da minha cabeça. Por que nossas crianças estão indo a escola? Por que nossos jovens estão indo a escola?
A resposta parece ser tão fácil! Mas não é.
Um dia tive que decidir se continuaria minha jornada de professora. Quando joguei meus diários de notas na sala da coordenadora chorando e disse que não mais voltaria.
Voltei tantas e tantas outras vezes. E fiz esta pergunta em todas as minhas salas, que naquele ano eram seis turmas de sexto ano. Nenhuma delas houve uma resposta aceitavam. Chegou a ter respostas absurdas.
Foi quando eu perguntei quem quer ser professor levanta a mão? E um aluno me devolveu a pergunta com outra pergunta "isso é uma piada professora?"
Deve ter sido porque todos sorriram e eu fiquei ali constrangida, me sentindo como uma criança que sente bullying porque o aluno continuo " quem quer ser professor? que futuro ser professor vai nos dar? olhe para seu celular? a senhora anda de ônibus? e ai ele concluiu "Deus me livre de ser professor" e outros repetiram como um coral afinado e diveritido com risos que ultrapassaram meus ouvidos como espadas de lâminas afiadas.
Fiz um discurro marxista, cheio de ideologias e explicativas da luta de classe e que a posição dos professores é importante e bla.bla...bla.....bla..... em menos de cinco minutos nenhum prestavam atenção no que eu estava falando e lá estava eu o que Freud diria "Racionalizando meu proprio recalque".
Estaria certo aquele aluno? Ele teria sido corajoso de dizer o que todos pensam a respeito de nós professores. Porque assim age a sociedade nos parabenizando e amanhã voltam a ser mães e pais que nos ofendem, nos criticam e nos oprimem.
Já chegou ao ponto de você criar raiva do que está lendo e me julgar?
Porque eu mesmo estou me julgando.
Assim nos sentimos na maior parte das vezes. Justificando. Racionalizando, Dando desculpas. Tentando.
Mas é preciso. Porque se nós professores desistismos o que acontecerá com este planeta. Para muitos a sala de aula é o único espaço para discussão sobre ética e valores, onde o conhecimento de gerações é trasnmitidos e criado e recriado muitas vezes.
Eu não desisti. Não foi e não fácil. Para nenhum professor, não importa a sua idade, seu tamanho, a escola, a disciplina, o salário, nada disso importa. Porque vivemos em uma sociedade diferente, com valores diferentes, que está perdida dentro de sua própria evolução.
Não cabe a mim julgar de quem é a culpa, porque todos somos culpados.
A maturidade nos leva a pensar de forma mais lógica, o conhecimento nos torna mais críticos. Mas precisamos de professores que queiram ser professores. Que desejem ser professores. Que ame ser professor e porque não dizer que sonharam em ser professores.
Porque compartilhar banneres nas redes sociais é fácil dificil é acordar todos os dias e encarar salas lotas, uma geração que nada sabe, nada quer, nada deseja, nada o sastisfaz. Uma geração sem próposito, sem respostas, sem ética e sem valores. Uma geração que resulta na luta por resultados numéricos.
Não adianta apenas lamentarmos mas nos questionar o que eu como professor estou fazendo para mudar tudo isso.
Somos a base que estrutura a cultura de um povo. O que temos feito para que esta geração torne-se melhor?
A mídia posta lindas homenagens, nos oferecem flores mas o que vai mudar quando eu entrar em minha sala amanhã?
Vou realmente ter orgulho de ser professor? Ou vou me lamentar quando o contracheque chegar, ou vou ficar reclando dos alunos na sala dos professores?
Eu escolhi nem sempre ser agradável, ser aquela que incomoda, que briga , que grita pelo que quer, pela que escolheu tentar todas as vezes que outros professores disseram para que eu parasse de tentar salvar o mundo.
Porque você pode ensinar só conteúdos. Mas pode ir além. Você pode escolher mudar esta geração. Porque se tem alguém que pode fazer isto é o PROFESSOR.
Eu fiz e continuo fazendo minha parte.
Saudade dos meus alunos do ensino fundamental. Hoje no ensino superior a missão continua, não tão fácil.


Para conhecer alguns dos projetos que realizei nas turmas de sexto ano acesse http://clubedehistoriadatiajo.blogspot.com.br/

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Informação sobre projeto de lei que regulamenta a contratação de psicológos e psicopedagogos é mentira



A quase três anos a Fan page Pedagogia Brasil tem feito divulgado uma postagem errada e que recentemente milhares de psicopedagogos tem compartilhado nas redes sociais como verdadeiras.

Já foi solicitado que a fan page faça a retirada e a retificação da postagem que além de seu um plagio do nosso site http://www.grupopsicopedagogiando.com.br/ , que não somente publicou a matéria mas acompanhou o projeto e fez vários comentários sobre ele alertando os psicopedagogos dos erros deste projeto, mas ainda continuou vinculado como verdadeira e ganhando milhares de curtidas e compartilhamento com uma noticia falsa e desatualizada.

Para ler mais sobre este projeto ACESSE O SITE DO SINDICATO DOS PSICOPEDAGOGOS.




quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Programação Das aulas do Programa "Psicopedagogia às quintas-feiras" para Dezembro/16 e Janeiro/17


Veja a programação das Aulas Lives Gratuitas com Jossandra Barbosa em Dezembro/16 e Janeiro/16

Dezembro - Tema: Transtornos Neurobiológicos e Diagnóstico Psicopedagógico
08/12 - TDAH - Parte 1 - Crianças e a contribuição do tratamento psicopedagógico.
15/12 - TDAH - Parte 2 - Adultos e Adolescentes e a contribuição do tratamento psicopedagógico.
22/12 - Dislexia - Parte 1 - Fase Infantil e o DIPp no processo de Identificação.
29/12 - Dislexia - Parte 2 - Fase Adolescentes e Adultos - DIPp e intervenções psicopedagógica.

Janeiro - Tema: Como o cérebro aprende
05/01- Aspectos neuropsicopedagógicos da Aprendizagem
12/01 - Como aprendemos a ler e a escrever e os métodos de alfabetização.
19/01- Fracasso e Sucesso Escolar: Porque meu filho não aprende?
26/01 - Modalidades de ensinagem e Modalidades de Aprendizagem: A relação EU ENSINO x COMO EU APRENDO

As possuem uma duração de uma hora é meia AO VIVO pelo Youtube para assistir CLIQUE AQUI

A capacitação profissional continuada é uma necessidade a todos os profissionais. Há quatro anos a Psicopedagogo Jossandra Barbosa vem oferecendo gratuitamente ON LINE diversos cursos , principalmente , aos psicopedagogos, como forma de incentivo para que estes possam ter uma forma de continuar seus estudos e pesquisas.Agora ela traz mais uma novidade "AULAS AO VIVO NO FACEBOOK" onde você pode assistir pelo seu celular, computador , tablete, TV ou outro dispositivo móvel. Agora você tem um encontro marcado com Jossandra Barbosa às QUINTAS FEIRAS das 20:00 as 21:30 h (horário de Brasília).

Obs: A aula fica gravada e você pode conferir normalmente CLICANDO AQUI 

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Dicas para seus atendimentos psicopedagógicos.

Turbinando sua carreira
Gravamos uma serie de vídeos para turbinar sua carreira na psicopedagogia. Temos visto muito desanimo nos profissionais e medo em outros para atuar . Aqui você vai encontrar dicas de como se manter neste mercado como iniciante ou veterano e ter sucesso na carreira.

Como fazer seu cartão de visita






Dicas para o uso do jaleco





Personalizando seu material de trabalho




 Não tenho medo de atuar. Não tenha medo de se atualizar. De continuar tentando. De errar e acertar. é isto que nos torna humano, nossa capacidade de aprender. Estamos constantemente  criando e recriando formas de sobreviver. Se você ainda não tentou chegou a hora de tentar. Se você se sente cansado chegou a hora de se motivar.

Não importa suas dificuldades. Importa que você sempre teve e sempre terá novas oportunidades e forças para continuar esta luta que é viver e seguir uma carreira.

Se você já é um sucesso. Parabéns !!!!!! 

Bora Estudar sempre!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

                          Jossandra Barbosa.

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Como investir na carreira de professor universitário


Você já pensou em ser um professor universitário? 

Muita gente pensa que qualquer professor pode dar aula no ensino superior. O que não é verdade.
O professor que leciona para alunos nas faculdade é chamado de docente do ensino superior para isso ele deve ter formação na área que deseja lecionar mas também formação em um após graduação lato sensu chamada “ docência do ensino superior” com no mínimo 360 horas.

Neste curso o aluno vai discutir e aprender sobre o processo histórico e metodológico de como funciona o ensino superior no Brasil. As disciplinas são focadas nesta discussão mostrando a realidade brasileira e preparando este profissional para lidar com o público universitário que é bem diferenciado dos demais.

Desta forma se você deseja investir na carreira de professor universitário só tem dois caminhos:

  • Fazer uma pós graduação em docência do ensino superior e outra na sua área especifica de atuação 
  • ou fazer mestrado acadêmico e depois doutorado.


É importante ressaltar que para o MEC o curso de pós graduação em docência superior deve ter no mínimo 360 horas e não deve estar junto em nenhum outro curso de pós graduação.

Muitos alunos visando em diminuir o tempo e economizar dinheiro tomam a decisão de fazer cursos combos ( onde há duas habilitações no mesmo certificado) . Isto é uma decisão sua, mas antes de tomá-la pense que o barato pode ter um preço a pagar alto no futuro isto por que:


  1. ·        Os concursos públicos só aceitam habilitação por certificado de pós-graduação para pontuação já que os concursos usam um certificado de cada vez na pontuação;
  2. ·        Em seleção de mestrados também não serão levados em contas certificados com duas habilitações ou mais juntas.
  3. ·        Alguns conselhos profissionais  e sindicatos não aceitam o mesmo certificado com várias habilitações já que o mercado de trabalho acredita que o bom profissional é aquele que se especializa em uma determina área de cada vez e não em várias ao mesmo tempo.

Por isto o barato pode sair caro. Quando pensamos em uma carreira o tempo não é a prioridade mas sim a qualidade do  curso e da capacitação que está sendo realizada.



PARA CONHECER ESTE CURSO CLIQUE AQUI


Como a psicanálise pode ajudar sua carreira profissional.

Como a psicanálise pode ajudar em sua carreira profissional

Já parou pensar sobre como está a sua relação com as pessoas em seu ambiente de trabalho, com sua família ou com todas as pessoas que está ao seu redor?
Já percebeu que há pessoas que você não gosta e não sabe o porquê? Que você toma atitudes que depois parou para pensar e que você se envergonha ou sofre com suas atitudes mas não consegue ser diferente?
E quando você chega em casa depois de um dia de trabalho você desabafa e joga tudo em seus filhos e esposo(a) , companheiro(a)? e que depois se arrepende por saber que eles não merecem ser tratados com grosseira ?
Que suas atividades sexuais estão em conflitos com suas atuação profissional por você está constantemente reprimindo seus desejos?
E o como está sua relação com seus clientes? Seus problemas te influenciam e você sofre com o que não consegue resolver?

Tudo isso Freud Explica!

A psicanálise pode contribuir de uma forma que você jamais pensou. No vídeo abaixo estamos falando sobre os mecanismos de defesa. Como nosso Ego tentando no proteger de algum sofrimento gera outros problemas que se estamos preparados para lidar com este recurso psiquíco tudofica mais fácil.



Conheça o curso " Formação Clínica " completa oferecida na modalidade presencial e EAD pelo Instituto Sinapses a Sociedade Fluminense de Psicanálise do Rio de Janeiro.

 CLIQUE AQUI E AGORA



Para receber novidades deixe seu e-mail

OBRIGADO POR SUA VISITA AMIGO(A)!
Cadastre-se e receba nossas novidades em seu e-mail.
PARA BAIXAR LIVROS E APOSTILAS GRATIS CLIQUE AQUI